This site uses cookies. By continuing to browse the site you are agreeing to our use of cookies. Read our privacy policy>

Se precisar de ajuda, clique aqui:

Graças à adição do hardware da Huawei à rede voltada para fornecimento elétrico que já era utilizada, fomos capazes de oferecer serviços totalmente novos para os clientes, juntamente com os serviços principais de energia. Podemos oferecer acesso a serviços de Internet, telefone e televisão por fibra óptica para até 100 mil residências, o que acreditamos que aumentará o número de nossos clientes digitais de banda larga para cerca de 60 mil residências.

Manfred Litzlbauer Diretor geral da Energie AG Telekom
Panorama

A Energie AG Oberösterreichis (Energie AG) é uma empresa de serviços públicos austríaca que opera principalmente na Alta Áustria, o terceiro maior estado do país em termos populacionais. Desde 1892, a Energie AG faz o fornecimento para a região, bem como para partes de Salzburgo, Estíria e Baixa Áustria, com serviços de energia, gás natural, água e coleta de resíduos. Sua base de clientes consiste principalmente de residências e pequenas e médias empresas (SMEs): a espinha dorsal da economia europeia.

Há muitos anos, a Energie AG decidiu ampliar seu foco empresarial com a reutilização de rede voltada para fornecimento elétrico, para ampliar a oferta de serviços. A empresa criou uma nova infraestrutura com tecnologia PON (Passive Optical Network, rede óptica passiva) para ampliar seu portfólio com Tecnologia de informação e comunicações (TIC) para os usuários finais, que inclui serviços de telefone, televisão e Internet. No início, eles tinham aproximadamente 1.000 clientes.

No entanto, quando a Fibra residencial (FTTH) tornou-se mais popular, a solução atual não oferecia suporte adequado para a base de clientes em expansão. Como resposta, a Energie AG Telekom decidiu lançar um projeto de FTTH de grande escala, com capacidade de fornecer conectividade de fibra para pelo menos 50 mil residências. Após realizar testes de segurança abrangentes, eles escolheram a Huawei como provedora de solução de TIC na transformação digital.

Desafios

Objetivo: Uma nova fonte estável de crescimento com serviços triple-play

A Energie AG precisava de uma fonte alternativa e estável de receita que não fosse dependente do preço da energia. A solução da empresa foi obter de 50 a 60 porcento mais assinaturas de serviço de 100 mil residências conectadas à rede.

“Há alguns anos, o FTTH tornou-se um assunto muito popular na Áustria”, disse Manfred Litzlbauer, Diretor geral da Energie AG Telekom. “Todos falavam sobre essa nova tecnologia, tanto no âmbito político quanto no industrial. Ficou evidente que se desejássemos ser uma presença forte no mercado de provedores de Internet, precisávamos oferecer a nossos clientes uma solução baseada em FTTH. Nessa época, desenvolvemos um plano de negócios para conectar 100 mil residências à nossa infraestrutura de fibra óptica.”

Apesar de, anteriormente, os clientes da Energie AG Telekom utilizarem uma infraestrutura com base em EPON (Ethernet PON), a GPON (PON com suporte a Gigabit) é mais adequada para atender às necessidades de grande largura de banda e segurança multisserviços do projeto de sistema de rede. Assim, a empresa decidiu mudar a tecnologia que utilizava. O fornecedor escolhido deveria oferecer Terminais de rede óptica (ONT) de ponta e de grande largura de banda que poderiam dar suporte às soluções mais recentes de Wi-Fi e a serviços triple-play (Internet, telefone e TV).

O plano focava-se principalmente em áreas rurais e trazia a vantagem social de reduzir a exclusão digital, o que atraiu o apoio do governo austríaco e da administração regional da Alta Áustria. As autoridades europeias também demonstraram seu apoio por meio de concessões da União Europeia de fundos para partes do projeto.

Objetivo 2: Reutilização de rede voltada para fornecimento de energia elétrica para ampliar a oferta de serviços

A Energie AG opera 6.500 km de fibra óptica. Até recentemente, suas soluções estavam limitadas a dois grupos de clientes: empresas de telecomunicações que usavam fibra para estações de transmissão e recepção; e empresas de grande porte, que a utilizavam nas instalações de produção.

O maior desafio para a Energie AG era encontrar um jeito de reutilizar sua rede óptica voltada para fornecimento de energia elétrica, que originalmente foi construída para transmissores de controles de energia, para fornecer acesso a serviços de Internet banda larga, telefone e televisão para os clientes.

Além dos problemas que este tipo de investimento oferece normalmente, como coleta de fundos para o preparo da infraestrutura e custos com construção, seleção de empresas qualificadas de construção e cooperação com comunidades para a escolha do local, a Energie AG precisava encontrar um parceiro global cujas soluções poderiam ajudá-la a desenvolver uma rede moderna para 100 mil possíveis usuários.

Solução

Transformação: De empresa de energia a empresa de ISP

A Energie AG escolheu a Huawei Enterprise como parceira abrangente para o projeto, para atuar como fornecedora de dispositivo e consultora técnica. A Huawei propôs o upgrade da solução de tecnologia de EPON para GPON. Enquanto o GPON é mais caro e demorado para implementar do que o EPON, ele também é mais seguro, oferece velocidades mais altas de upstream e é mais adequado para os serviços de voz, dados e vídeo.

A Huawei ofereceu todas as soluções necessárias, desde estações de acesso até infraestrutura de usuário final, como ONTs que foram entregues para as residências dos clientes. A Huawei é a única fabricante no mercado com um portfólio de produtos completo, de ponta a ponta.

“Analisamos a segurança, antes de mais nada”, conta Litzlbauer. “Antes de decidirmos fornecer equipamentos aos clientes, uma empresa terceirizada foi envolvida com o projeto para realizar uma análise detalhada do equipamento da Huawei. Todos os produtos foram desmontados, os CPUs e o armazenamento foram desacoplados e o código foi lido e manipulado, depois montado novamente. Depois, verificamos como o sistema funciona para encontrar possíveis vazamentos nos sistemas de segurança. Todos os testes resultaram na aprovação dos dispositivos da Huawei e, assim, prosseguimos com o projeto.”

Benefícios

Milhares de novos clientes

“Graças à adição do hardware da Huawei à rede voltada para fornecimento elétrico que já era utilizada, fomos capazes de oferecer serviços totalmente novos para os clientes, juntamente com os serviços principais de energia. Podemos oferecer acesso a serviços de Internet, telefone e televisão por fibra óptica para até 100 mil residências, o que acreditamos que aumentará o número de nossos clientes digitais de banda larga para cerca de 60 mil residências”, afirma Manfred Litzlbauer.

O uso da tecnologia GPON permite que a Energie AG ofereça velocidades de conexão de Internet de 100 Mbit/s em um pacote reduzido. O ONT de ponta que a Energie AG utiliza nas casas dos clientes oferece suporte a soluções inteligentes de Wi-Fi e simplifica a configuração da rede sem fio doméstica, mesmo quando os clientes usam pontos de acesso externos para melhorar a cobertura.

A Energie AG, junto com a Huawei, criou um sistema que é totalmente automatizado e integrado dentro do sistema corporativo da empresa. “Primeiro, os clientes solicitam serviços on-line, depois recebem um pacote com o decodificador. Conforme eles desembalam e ligam o equipamento, tudo é ativado automaticamente. A Internet, a TV e as linhas telefônicas estão prontas para usar quase que instantaneamente. Não tem como ser mais fácil”, conclui Litzlbauer.


Sobre a Energie AG

A Energie AG Oberösterreich é uma empresa moderna e eficiente de energia e serviços. Desde 1892, a Energie AG fornece energia para a Alta Áustria, e também para parte de Salzburgo, Estíria e Baixa Áustria.

0 visualizações

(0 opiniões)

Gostou da história? Dê sua opinião.

0/500

Deixe seu comentário aqui.
Enviar

0  comentários

    Mais conemtários

      Opinião enviada com sucesso

      Enviado com sucesso

      Falha na avaliação

      Falha no envio

      Por favor, deixe seu comentário primeiro.

      Share link to: